dol-u-ron forte # 10

túlipa

se voasse nestes céus frios e pudesse ser mais nuvem ou meia-lua
vermelho, ou marte, ou cabelos
e todas as coisas transparentes que preenchem o espaço
e o mar celeste,
neste centro de pedra que habito
ver-te-ia
uma
e
outra
e
outra
vez



Frederico Mira George
Caixa Negra
Quasi Edições, 2006

3 comentários:

José S. disse...

Ando tentado a comprar este livro.

bruno sousa villar disse...

Não conhecia o poeta.

Gostei.

Abençoada Quasi, pelo seu esforço editorial pela poesia.

Frederico George disse...

Boa surpresa, amigos!
Abraço,

Frederico Mira Goeorge
(Frederico 'W George)
Leya Dom Quixote

http://fredericomgeorge.wordpress.com

Longa vida à poesia!